quinta-feira, fevereiro 03, 2011

Funerais

Ora aqui está um assunto novo neste blog, coisa que tende a rarear. Estava eu, infelizmente, num funeral quando reparei em duas coisas, uma que me irrita, a outra que me parece apenas parva. A que me irrita é ver algumas pessoas a discutir se o falecido está ou não tapado. Percorrem a igreja a discutir o assunto até que chegados à beira do falecido um tem a oportunidade de dizer "vês, eu bem dizia". Acho estas coisa de uma falta de respeito atroz para com os familiares e amigos do falecido. (normalmente isto é feito por mulheres)

A coisa parva é ouvir algumas pessoas dizer que foram ao funeral mas que nem deviam ter vindo, que não gostam nada de funerais. Ou então ouvir as pessoas que nem vão dizer que não vão porque não gostam nada de funerais. Eu não tenho nada contra quem não vai, a sério, mas inibam-se de dizer que não vão porque não gostam. Até parece que as outras pessoas gostam! (normalmente isto é feito por homens)

Imaginem:
-Ah e tal, não gosto nada de ir a funerais...
-Ai é? Que giro, olha que eu gosto muito, acho giro, ouve-se pessoas a berrar, vê-se uma pessoa morta, muita gente chora, é tão giro...

Fica aqui o apelo, não digam que não gostam de ir a funerais. É que tirando dois ou três anormais, ninguém gosta, é algo um bocado ridículo de se dizer.


Nota: Assina o feed deste blog ou recebe todos os posts por email. Podes também acompanhar o blog no Twitter e no Facebook.

7 Comentários:

AUFDERMAUR disse...

Eu nunca fui a nenhum funeral nem vi nenhum morto (quer dizer, vi quando era criança e me enganei no elevador do S. João e entrei no que transporta os mortos) porque nunca me deixaram.
Também não fazia questão, diga-se.
Como nunca fui, não fazia ideia desses comentários que referiste e parece-me algo muito esquisito de se dizer :S
Quanto a não gostar de ir a funerais, realmente ninguém gosta só que há os que vão por respeito ou por ser alguém próximo e há aqueles que não se querem dar a esse trabalho.

ana disse...

Nessas ocasiões fala-se demais. Sempre odiei o estar nessas alturas como se está num café. É o prato do dia. As pessoas não se reservam ao silêncio e dá oportunidade a que se ouçam dessas pérolas e outras mais.

Concordo em absoluto contigo. Ninguém gosta de ir e quem faleceu já não saberá que lá se foi ou não se foi. Mas a família merecerá o respeito de uma presença e, acima de tudo, o silêncio e o recato que estas situações deviam exigir, na minha opinião. Não fazer daquilo um ponto de encontro com direito a abraços daqueles com chapadões nas costas e aqueles «ooooooolha quem está aqui» como muitas vezes se vê. E comentários às flores que os outros levam e à vida das pessoas que entram e à vida do próprio do falecido.

Infelizmente tenho ido a alguns funerais, porque já me vai calhando aquele papel de representar pessoas da minha família que já não se podem deslocar para estar nessas alturas, e não há habituação possível que me faça conseguir reagir como muita gente ali, estupidamente, reage.

Sofia disse...

Sim, realmente são conversas despropositadas de pessoas que se sentem desconfortáveis num funeral e que, em vez de se remeterem ao silêncio, dizem parvoices destas...mas olha que eu já ouvi também comentarem o caixão em termos da sua "beleza"...enfim!
Beijinhos,
Sofia

Dylan disse...

Parecem aqueles que discutem se gostam ou não de ir ao dentista extrair um dente!

Margarida disse...

Foi algo que a mim sempre me meteu muita confusão também e até um certo fastio... Mas, enfim... Há-de chegar o dia em que as pessoas acordarão para a vida...

Maninha disse...

Bolas, acabei de chegar de um...

afectado disse...

aufdermaur, um dia que vás a um, vais reparar...

ana, sem dúvida, estas alturas são sobretudo de silêncio. mas muita gente não consegue se manter em silêncio...

sofia, essa da beleza do caixão nunca ouvi, mas ainda vou a tempo!

dylan, deve haver quem adore, deve deve!

margarida, ou não...

maninha, pois, eu também tive um nesse dia.

Enviar um comentário

Comenta à vontade, estejas ou não de acordo com o que por cá é dito. No caso de te quereres armar em espertinho, lembra-te: "para parvo, parvo e meio". Bons comentários!

A afectar a blogosfera desde 1 de Maio de 2005. afectado@gmail.com

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO