domingo, junho 07, 2009

Afinal quem foi o vencedor?

Esta noite vi muita gente se proclamar vencedora, sendo que eu estou habituado que numa competição há um vencedor e chega. Senão estamos a banalizar a vitória e daqui a pouco é bom é ser o único derrotado e então vamos idolaterar o Vital Moreira que nisso superou todas as expectativas que eu tinha na sua falta de nível e brilhou na arte da derrota.

Mas, e para clarificar as coisas a quem me lê, hoje houve um grande vencedor que não tem discussão possível, e quem disser o contrário não percebe nada disto. Pois bem, o grande vencedor é: Roger Federer. O suiço ganhou o torneiro de Roland Garros igualando assim o record histórico de Pete Sampras mas com o acréscimo de ter vencido pelo menos uma vez cada um dos quatro Grand Slams.

Todas as análises que divergirem desta, são fraquinhas e aconselho-vos a não as terem em conta. O meu serviço público por hoje está feito.


Nota: Assina o feed deste blog ou recebe todos os posts por email. Podes também acompanhar o blog no Twitter e no Facebook.

8 Comentários:

RED disse...

Com esta me mataste! Vou ali googlar na tentativa de em dez minutos tirar um curseco sobre o dito desporto e venho mais tarde opinar.

afectado disse...

red, o afectado incentiva as pessoas a adquirirem novos conhecimentos :)

Treze disse...

Apesar de o Sampras ser o meu preferido, não há comparação possivel de nenhum jogador (mesmo os que não vi jogar) com o Federer a nível técnico. É simplesmente fabuloso! E sempre um prazer ver jogar.
Tenho o jogo gravado e vou vê-lo, mesmo sabendo do resultado :s

afectado disse...

treze, antigamente o meu preferido era o Agassi, mas já simpatizava com o Federer quando este ainda era apenas um jovem jogador que não aparecia nas finais do Grand Slam.

eu só vi o fim do jogo. nem sei se foi bom, mas deve ter sido desequilibrado...

Dylan disse...

O grande vencedor é o
Bloco de Esquerda. Já reparaste na beleza das mulheres que acompanham e estão dentro do partido?!

Treze disse...

O mais engraçado (e isto demonstra a minha capacidade para detectar talentos) é que no início da carreira dele afirmava que ele não ia dar em nada. É somente o melhor de sempre...

afectado disse...

dylan, já :)

afectado disse...

treze, eu simpatizava com ele, mas nunca pensei que viesse a ter este sucesso todo!

Enviar um comentário

Comenta à vontade, estejas ou não de acordo com o que por cá é dito. No caso de te quereres armar em espertinho, lembra-te: "para parvo, parvo e meio". Bons comentários!

A afectar a blogosfera desde 1 de Maio de 2005. afectado@gmail.com

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO