domingo, março 08, 2009

Desafio: Verdade ou Mentira? (as respostas)

Vamos lá revelar quais são verdade e quais são mentira e no fim disso os resultados!

1- Tenho sérias dúvidas sobre a existência de Deus desde os meus 7 anos.
Verdade. Quando tinha 7 anos faleceu um amigo meu e lembro-me de estar no funeral e enquanto ouvia o padre dizer que Deus sabia o que fazia em simultâneo com os gritos da mãe do meu amigo eu me perguntava se realmente poderia existir Deus. Houve quem afirmasse que passado tanto tempo eu já teria isto resolvido, mas não. Não sou ateu, "apenas" agnóstico. Tenho muitas dúvidas que exista, mas não o afirmo com 100% de certeza.

2- Chumbei uma vez no exame de código.
Mentira. Chumbei uma vez mas foi no exame de condução. Conselho: nunca façam exame de condução num dia em que os examinadores tinham marcada greve e subitamente foram proibidos de a fazer. Independentemente do que fizerem, chumbam!

3- Já tive uma entrevista de emprego que durou 4 horas e meia.
Verdade. Começou às 16.30h e terminou às 21.00h. Na primeira hora e meia fui entrevistado pela directora de recursos humanos, depois estive cerca de 15 minutos a responder a um teste psicológico escrito e depois estive mais de duas horas e meia a ser entrevistado pelo director do departamento para o qual iria. No fim da entrevista dei a entender que o lugar não era totalmente do meu agrado. Soubesse o que sei hoje e tinha agarrado aquela oportunidade com unhas e dentes cagando em cima de quem nunca mereceu uma gota do meu suor.

4- Tenho uma doença sem cura.
Verdade. Felizmente não é muito grave. É uma doença de pele... psoríase. Nunca a tive em forma muito agressiva mas quando era pequeno ainda tinha algumas partes de pele com aquela camada mais espessa. Após vários tratamentos houve um que resultou conseguindo retrair um bocado o que tinha. Desde há muitos anos que só tenho um bocado que diria mesmo insignificante nos cotovelos. Mas, mesmo que não tivesse nada, não estava curado. A psoríase nunca está curada porque pode sempre reaparecer. Aliás, mesmo a quem nunca apareceu podem ter esta doença. Há quem só descubra já em idades mais avançadas e no entanto sempre tiveram a doença.

5- O meu ex-patrão mostrou-me uma carta de amor que ele escreveu.
Mentira. Thank God! Mas, e aqui é que está o engraçado disto, apesar dele não me ter mostrado uma carta de amor, um email de amor dele veio ter comigo. Confesso que dei umas belas gargalhadas. No fim em parte senti pena porque naquele texto vi um homem que não é o que ele gosta de mostrar. E vi alguém que estupidamente estragou muita coisa em nome de algo que não existe e que provavelmente só ele acredita que existe.

6- Lembro-me de coisas que aconteceram quando tinha perto de 3 anos.
Verdade. Nessa altura rachei a cabeça e lembro-me perfeitamente do que estava a fazer, do caminho até ao hospital e em parte de lá estar. Lembro-me vagamente de mais uma ou duas situações, mas dessa lembro-me perfeitamente. Era capaz de a descrever com um detalhe assustador!

7- Já fui infiel.
Mentira. Pois é, nunca o fui. Não sou daqueles que afirmam, juram e gritam aos sete ventos que nunca o serão, até porque esses são normalmente os que mais depressa caem nas rasteiras da vida. Simplesmente digo que nunca o fui, porque de facto não fui. Ah, não acho que isso me faça melhor ou pior que ninguém.

8- Dei-me mal com uma professora na universidade, a qual mais tarde voltei a encontrar como directora de um departamento onde trabalhei.
Verdade. Na universidade desisti de acompanhar as duas cadeiras que ela me deu e aproveitei o tempo para estudar essa cadeira. Felizmente a minha birra correu bem e passei às duas cadeiras, mas mesmo que não corresse, não me teria arrependido... a maneira dela dar aulas tirava-me do sério. Na minha ex-empresa não comecei no departamento dela, mas a certa altura mudei para lá. Pois bem, correu bem e fiquei com uma imagem muito positiva dela. Uma das pessoas mais inteligentes (dificil de encontrar) que tive o prazer de conhecer e uma trabalhadora honesta (ainda mais dificil de encontrar). Se há coisa da qual tenho saudades na minha antiga empresa é de aprender com ela.

9- Sou a favor da pena de morte.
Verdade. Alguém consegue não ser a favor disso quando se fala por exemplo num talhante que viola atrás do balcão as crianças que vão lá buscar as coisas para casa? Alguém acha que uma pessoa que viola dezenas de crianças merece uma segunda oportunidade? Alguém acha que merece menos que isso? Acho que nem preciso de me alongar em mais exemplos...

Vamos aos resultados, sendo que ninguém acertou nas três mentiras:

2 certas: Provocação, Joana, Van (aka A Grafonola), mjf, Susana, Allie.
1 certa: Pronúncia, Cristina (aka anónimo), SRRAJ, de Marte.
0 certas: Ipsis Verbis.

Obrigado aos que participaram, são os maiores :)


Nota: Assina o feed deste blog ou recebe todos os posts por email. Podes também acompanhar o blog no Twitter e no Facebook.

15 Comentários:

Pronúncia disse...

Não tenho mesmo jeitinho nenhum para estas coisas...

;)

Anónimo disse...

Bem, podia ter sido pior :) Algumas nem me passariam pela mente. Olha só as coisas que eu fiquei a saber sobre ti!! :)

Cristina

afectado disse...

pronúncia, não é fácil :)

pelo que vi noutros blogs é muito raro alguém acertar as 3...

afectado disse...

cristina, tinhas a 2 certa, mas depois mudaste... não o devias ter feito :P

mjf disse...

olá!
Foi quase :=))

beijocas
Boa semana

afectado disse...

mjf, pensaste que tinha uma grande proximidade com o meu ex-patrão :P

boa semana.

ipsis verbis disse...

ahahahahah... zero é fixe! :P

afectado disse...

ipsis, foste a mais original :P

provocação disse...

Hummmm, sinto-me frustrada, estar quase lá é mau...é que esteve quase :)

provocação disse...

Hummmm, sinto-me frustrada, estar quase lá é mau...é que esteve quase :)

claudia oliveira disse...

de encontrar a mesma mulher duas vezes tem mto que se lhe diga

mau feitio

afectado disse...

claudia, eu quando comecei na empresa e vi que ela era directora lá fiquei de todas as cores. ela lembrava-se bem de mim. felizmente não é vingativa e recomeçamos do 0 :)

Van disse...

bem, não me safei mal de todo ahahahah. :)

Van disse...

e ainda bem que não se acerta em tudo...está provadissimo que somos muito mais do que aquilo que o nosso nick esconde... ;-) todos temos dois lados...ou mais!

afectado disse...

van, por acaso não, ficaste no pelotão da frente :P

claro que estes jogos não são fáceis... mesmo quem conhece bem tem dificuldade em responder a tudo certo :D

Enviar um comentário

Comenta à vontade, estejas ou não de acordo com o que por cá é dito. No caso de te quereres armar em espertinho, lembra-te: "para parvo, parvo e meio". Bons comentários!

A afectar a blogosfera desde 1 de Maio de 2005. afectado@gmail.com

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO