segunda-feira, novembro 17, 2008

Solução para o problema das claques

Organizar um encontro de claques a nível nacional. Fazer com que esse mesmo encontro seja a bordo de um navio, proporcionando assim uma bela viagem a estes queridos das claques. Assim como quem não quer a coisa, quando o navio estiver em alto mar, deixar cair lá uma bomba de modo a afunda-lo. Para que não restem grandes dúvidas do sucesso do encontro de claques, soltar meia dúzia de tubarões na zona onde o barco afundou. E basicamente era isto.


Nota: Assina o feed deste blog ou recebe todos os posts por email. Podes também acompanhar o blog no Twitter e no Facebook.

21 Comentários:

ipsis verbis disse...

Ahahaha! Acho que isso era uma óptima solução.

Mel disse...

Sabes, eu no fundo tenho muita pena que as coisas cheguem a este ponto, porque as claques, quando querem, sabem dar um espectáculo magnifico, seja em que desporto for.
Uma vez, há muitos anos atrás, fui ver uma jogo do Benfica, ao velhinho estádio da Luz, junto com os No Name...e sabes que mais? Jurei para nunca mais. Estive o tempo todo agarrada à minha mala, com medo que ma roubassem.
As claques não são mais que grupos organizados para terem "desculpas" para fazer merda por onde quer que passem! Não têm nada a ver com desporto.

Pronúncia do Norte disse...

Gostei, mas como já te tinha respondido no meu blogue, eles não valem o dinheiro do barco. O melhor ainda era como dizem alguns velhotes que conheço:
"Era atá-los com pedra velha e corda nova e afundá-los!"

Já reparei que me "roubaste" o título do post anterior, ficou melhor assim, sem dúvida!

afectado disse...

ipsis, melhor era difícil :P

afectado disse...

mel, as nossas claques fazem merda a mais para que o bem que fazem as possa desculpar. droga, racismo, violência gratuita... são merda!

afectado disse...

pronúncia, a ideia da pedra e da corda não era má :)

hum, não percebi essa do post anterior. sempre esteve aquele titulo desde que coloquei o post! vias outra coisa?? :s

blueminerva disse...

2 coisitas

- Subscrevo inteiramente o que escreves.

- Que GRANDE som toca na coluna à direita!!!

Crest© disse...

Bem, eu sou sócio de um clube de futebol desde o dia em que nasci. Sou sócio de uma claque há 14 anos... importam-se que eu não vá a esse encontro? É que não me dá jeito nenhum :(

Allie disse...

Tenho a certeza que no meio disto até vão pagar pessoas que sendo das claques, fogem a este tipo de situações estúpidas como incendiar autocarros, ou ilegais, como o comércio de armas e drogas. Mas, lá está, diz-me com quem andas, dir-te-ei quem és. O futebol há muito que deixou de ser seguro e algo possível de ser visto em família.

afectado disse...

blueminerva, deves ser das poucas pessoas que ouve o que eu ponho ali ao lado. não sabem o que perdem :)

afectado disse...

crest, não andas por aí a espalhar o terror?

se não, então podes faltar... mas só desta vez :P

afectado disse...

allie, nem mais.

Anónimo disse...

a solução para o teu problema talvez fosse passar mais tempo ao ar livre e viver mais para não seres uma pessoa com um cérebro tão pequenino que julga todas as claques e os seus membros pelas acções de meia-dúzia de pessoas...
deverias ter mais mente aberta e saber que em tudo na vida há pessoas boas e más,mas como passas a vida em casa não sabes muito sobre pessoas.
para a Sra. que escreveu que foi ao estádio da luz e ficou com medo,só ficou com medo não foi?ninguém a roubou ou tentou roubar?
pode ser que seja apenas e só paranoia sua,não acha?

afectado disse...

Anónimo (belo nome, é da parte do paizinho ou da mãezinha?),

passar mais tempo ao ar livre? por acaso a minha actividade permite-me fazer isso mais tempo que a maioria das pessoas. se dizes isso por escrever num blog, guess what? tu lês o meu blog e escreves nele também. ai ai essa cabecinha a precisar de sol a ver se germina algo aí dentro...

claro que foi uma generalização, qualquer pessoa percebeu isso. animais é que acho que nem todos o conseguiram. mas com esforço lá chegarão! mas eu explico devagarinho para me acompanhar o raciocínio:

tendo em conta o bem e o mal que as claques fazem, para mim o ideal era claramente acabar com elas. acabar, percebeu? e enfiar todo e qualquer anormal que cometa crimes (tráfico de droga, racismo, violência, etc, etc) na prisão por tempo indeterminado. se é a favor destes filhos da puta (os tais que cometem crimes), ou se é mesmo um deles (os tais que cometem crimes), então o seu lugar era atrás das grades a levar com um preto pelas costas todos dias (não sei se faz as suas preferências). em alternativa, o fundo do oceano tal como referi no post também era uma boa opção.



PS: senhores anónimos que de quando em vez se lembram de me vir insultar, eu não queria ser mau anfitrião convosco, mas a vossa estupidez a isso me obriga.

PS2: senhores anónimos, voltem sempre que eu gosto tanto de vocês, como vocês de mim.

PS3: senhor anónimo que comentou o post, vai-te foder.

um abraço.

Mel disse...

LOL, oh afectado, não chamou paranóica, só disse que tinha paranóia... Tu também, pá, queres é sangue...:D

E já agora deixa-me esclarecer, eu já fui ao estádio da Luz, prai 1 milhão de vezes, porque para além de adepta também sou sócia, agora ficar junto a claques? NUNCA mais. A grande maioria não vale nada, muito sinceramente.
Mas normalmente tenho o "prazer" de ficar junto daquele senhor dos "corninhos", que foi agora castigado, e fico a levar com fumo de charuto durante cerca de 90 minutos, o que também não é lá muito agradável...
Mas também é bem feita para não andar a gastar dinheiro. Em casa, sossegadita é que eu fico bem, sem apanhar ar...:P

afectado disse...

mel, o que se chama a uma pessoa que tem paranóia?

huummm, bem me parecia... :P

Mel disse...

Opá, posso, por exemplo, ter a paranóia das limpezas, mas não ser uma pessoa paranóica. Olha, tu não me contradigas que o médico não deixou, lembraste? Lol

ipsis verbis disse...

o barrete assentou-lhe na perfeição...

afectado disse...

mel, ok ok... vai lá tomar o medicamento.

afectado disse...

ipsis, ou a perfeição assentou-lhe no barrete?

ipsis verbis disse...

afectado, ou o barrete na perfeição lhe assentou?

Enviar um comentário

Comenta à vontade, estejas ou não de acordo com o que por cá é dito. No caso de te quereres armar em espertinho, lembra-te: "para parvo, parvo e meio". Bons comentários!

A afectar a blogosfera desde 1 de Maio de 2005. afectado@gmail.com

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO