segunda-feira, janeiro 18, 2010

Isto resolvia-se com pimenta na língua

Mandar alguém para o caralho (ou dizer outra coisa do género) só porque a opinião que essa pessoa emitiu não está de acordo com a nossa, é a mesma coisa que admitir que não se tem razão, ou que se se tem, não se sabe dar a volta ao texto. No fundo é um sinal evidente de fraqueza (já para não referir a óbvia falta de educação).


Nota: Assina o feed deste blog ou recebe todos os posts por email. Podes também acompanhar o blog no Twitter e no Facebook.

28 Comentários:

Anónimo disse...

Conta lá a quem é que querias pôr pimenta na língua??

Lisboeta disse...

estou a ver que conheces a minha amiga diana do blog my precious pink pillow

Vani disse...

LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL! quem mandou quem pó caray?

Raul disse...

Concordo em absoluto o insulto é o argumento dos burros, infelizmente vè-se isso cada vez mais, até na politica onde as coisas deviam ser mais sérias pois estamos a falar de assuntos que podem pòr em causa muita coisa. Não é preciso que sejam asneiras para que seja insulto basta que a palavra expressa fique no vazio sem acrescentar nada de útil a uma discussão.

afectado disse...

anónimo, eu? a ninguém! não tenho filhos para educar.

afectado disse...

lisboeta, nem sequer conheço esse blog...

afectado disse...

vani, todos os dias alguém manda alguém.

afectado disse...

raul, sim, não precisa de ser a mandar para o caralho, pode ser para ir à merda, etc. ou outro tipo de insultos, sem qualquer conteúdo à sua volta.

Ava disse...

concordo plenamente com o que disseste. Fico desiludida com a pessoa que me responda assim e com pena de ser tão limitada em termos argumentativos.

Gingerbread Girl disse...

Se eu disser "Up yours!", também conta? *thinks*

afectado disse...

ava, ora nem mais.

afectado disse...

gingerbread girl, se disseres apenas isso, parece-me que sim... isto se do outro lado foram apresentados argumentos, claro. agora se contra-argumentaste e no fim terminaste com isso, já é menos grave :)

afectado disse...

lisboeta, vi agora a tua resposta a um post que havia comentado nesse blog, já nem me lembrava :s

mas não tem nada a ver com ela, provavelmente só visitei esse blog dessa vez.

Vani disse...

Bem, por vezes há quem continue a ter argumentos. Muito disparatados. Tão mas tão disparatados, que só apetece mesmo é mandá-lo pó...

Pronúncia disse...

Afectas, tu desabafa rapaz!
Não fiques entupido que isso faz-te mal ao estômago... vá, conta lá quem é que te mandou para o "orgão sexual masculino" (esta não é minha... paga direitos de autor) e porquê!! ;D

afectado disse...

vani, tudo bem, mas aí já é como pôr um ponto final na conversa. não é bem o que eu disse :P

afectado disse...

pronúncia, eu falei no geral, aplica-se a quem faz isto.

Pronúncia disse...

Eu percebi, só me apeteceu foi brincar um bocadito com o post e particularizar na tua pessoa... não posso, não?!!!! :P

Vani disse...

Mas, claro que podemos optar por ser mais elegantes: fala aí para a minha mão a ver se ela te ouve. Ou, eu gostaria muito de continuar esta batalha de intelectos, mas é óbvio que estás desarmado. Ou...bem...eheheheh...tenho uma super brejeira...mas reservo-a para quando estou mesmo, mesmo, mesmo passada.

afectado disse...

pronúncia, aqui pode-se tudo, até me mandarem para o caralho se quiserem hehe :P

afectado disse...

vani, estou a ver que formas de terminar a conversa não te faltam :)

Pronúncia disse...

E tu achas que eu te faria uma coisa dessas, achas?!!
Posso ser do Norte, mas reservo essa expressão para ocasiões muito, mas mesmo muito especiais... como por exemplo, sei lá, no trânsito! ;D

afectado disse...

pronúncia, só hoje ao ir almoçar mandei 3 para o dito cujo :)

Pronúncia disse...

Tou a ver que te deparaste com TRÊS ocasiões muito especiais... isso é que foi uma farturinha! :D

afectado disse...

pronúncia, e as três iguais... mudança de faixa sem pisca... para cima do meu carro, claro!

Pronúncia disse...

Ora aí está uma das ocasiões em que premeio o simpático condutor(a) com essa tão expressiva palavra... essa e mais umas quantas!!

(Mas isso não é insulto, pois não?! E nem é caso para me porem pimenta na língua, pois não?! Não é por nada... mas eu odeio pimenta)

afectado disse...

pronúncia, claro que não... aí é totalmente apropriado!

Pronúncia disse...

Também me parece... :)

Enviar um comentário

Comenta à vontade, estejas ou não de acordo com o que por cá é dito. No caso de te quereres armar em espertinho, lembra-te: "para parvo, parvo e meio". Bons comentários!

A afectar a blogosfera desde 1 de Maio de 2005. afectado@gmail.com

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO