quarta-feira, março 25, 2009

Perguntar não ofende

O sucessivo encerramento de linhas férreas no nosso país visa o incentivo à utilização de meios de transporte colectivos?


Nota: Assina o feed deste blog ou recebe todos os posts por email. Podes também acompanhar o blog no Twitter e no Facebook.

14 Comentários:

Vani disse...

Eles devem achar q sim... (eles, os poderes ocultos).

afectado disse...

vani, esses marotos!

Cirrus disse...

Claro que sim! Transportes colectivos como o automóvel! Se forem dois no mesmo sentido, já é colectivo.

Há que dizer, no entanto, que o encerramento de linhas férreas tem muito a ver com a sua sustentabilidade financeira, o que nem sempre se verifica. Por conseguinte, faltam clientes. Ou seja, não há mentalidade de transporte colectivo em Portugal. Talvez se devesse começar por aí.

afectado disse...

cirrus, eu percebo que algumas não sejam sustentáveis, mas já que se fala tanto nos transportes colectivos, deviam-se arranjar formas de as tornar sustentáveis. eles falam mas não fazem nada!

Mónica disse...

A ideia seria essa.
E seria excelente, se tivessemos meios de transporte colectivos de qualidade, acessíveis, seguros, frequentes, ao invés de termos autocarros velhos, importados das sucatas de outros países europeus (como acontece em muitos casos)...
A gasolina não é barata, é um facto, mas o conforto de um automóvel, a facilidade de deslocação, não ficarmos encostados a uma qualquer paragem à espera que o auto bus se digne a passar, para depois entrarmos nele e ficar tipo sardinhas em lata...
Nahhhhhh.... Não é para mim... Já foi, agora não...

MdJ aka LBJ disse...

Tens ai uma boa pergunta. Eu ouvi a noticia e não percebi se o encerramento era definitivo ou temporário, porque de acordo com o comunicado da Refer este devia-se a questões de segurança e do estado de conservação da linha, não mencionava razões de viabilidade económica. Areia prós olhos do povo…
http://www.refer.pt/pt/noticia.php?id=501

Pronúncia disse...

Mais uma machadada no transporte ferroviário.

Mas isto é tudo para o pessoal aderir à iniciativa da Galp para a partilha de carro.

Se os transportes públicos fossem de confiança, a todos os níveis, talvez as pessoas aderissem. Mas os que temos são tão maus que se queres chegar a tempo e horas, o melhor é pegares no carrito e fazereste à estrada.

Tomara eu que houvesse um comboiozito, um metro, minimamente decente, lá para o meu trabalho. Sempre dava para dormir mais um bocadinho de manhã (durante a viagem) e ler no regresso. Eram só vantagens :)

afectado disse...

mónica, claro que o conforto do carro é um grande atractivo. mas olha que já tenho ido ao porto, deixo o carro à entrada e depois uso o metro. evito trânsito e problemas para encontrar estacionamento.

afectado disse...

mdj aka lbj, pois, não sei. mas a do tua também encerraram provisoriamente até que o provisório passou a ser definitivo...

afectado disse...

pronúncia, pois, mas querem motivar as pessoas a usar os transportes colectivos e vão cortando nos mesmos? gente estranha esta que nos (des)governa...

Dylan disse...

Eu acho que é mais para incentivar o transporte colectivo feito por animais: cavalos e burros!

Treze disse...

Colectivos tipo... Automóveis?

Pensa nisto: Vão inviabilizar o interior para viabilizar o (transporte colectivo) TGV.
Claro que é algo estúpido, mas é para o que o momento dá mesmo.

Ou então vão construir pontes sobre terra para ligar o interior ao litoral e substituir as ditas linhas férreas...

afectado disse...

dylan, cavalos e burros devem ser eles os da refer e cp :s

afectado disse...

treze, automóveis muitas vezes são indispensáveis. e em portugal pouco se faz para que possam ser dispensáveis em alguns casos.

e só li há um bocado... avisaram isso na noite anterior. ou seja, os utentes que se lixem e dão com o nariz na porta!

Enviar um comentário

Comenta à vontade, estejas ou não de acordo com o que por cá é dito. No caso de te quereres armar em espertinho, lembra-te: "para parvo, parvo e meio". Bons comentários!

A afectar a blogosfera desde 1 de Maio de 2005. afectado@gmail.com

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO